A Secretaria Municipal de Educação (SMED) realizou a compra de cinco veículos novos e três ônibus para atender a comunidade escolar do Município de Alvorada.  Os veículos adquiridos serão utilizados no patrulhamento escolar, através da Guarda Municipal, transportes de alunos da educação infantil, creches, visitas domiciliares para acompanhar a evasão escolar e transporte de alunos do CEMAEE (Centro Municipal de Atendimento Educacional Especializado). Os três ônibus adquiridos estarão à disposição dos alunos a partir do dia 26 de fevereiro, data essa em que se inicia o ano letivo no Município de Alvorada.

Durante a divulgação a secretária destacou algumas ações realizadas durante o ano de 2017, entre elas: Reativação dos ônibus escolares, gerando uma economia de aproximadamente R$ 272.020,34 durante o ano, além de reduzir o cadastro de vale transporte de 1.712 para 632 alunos.

Na modalidade Educação Infantil, houve uma ampliação, entre o período de 2016, onde havia 58 turmas na rede municipal de ensino e em março de 2017, foram ampliadas as vagas, totalizando 66 turmas.

Destaca-se ainda a entrega de kits e uniformes escolares para todas as escolas municipais da rede. A merenda também foi uma preocupação da Secretaria, priorizando nas escolas uma alimentação nutritiva e de qualidade, sendo que essa mesma qualidade continuará em 2018.

Durante o ano foram promovidas formações continuadas, com o objetivo de incentivar a troca de experiências e aprimorar o trabalho pedagógico dos profissionais da educação, envolvendo os profissionais dos anos inicias anos finais, EJA, bibliotecas, supervisão, orientação, secretários, cozinheiras e funcionários das escolas, sala verde, inclusão, educação musical, diversidade e robótica. Desta-se ainda, o projeto “Todos Pela Alfabetização”, desenvolvido com os professores do 1º, 2º e 3º ano, através de palestras, oficinas, cujo objetivo é levar o aluno a consolidar seu processo de alfabetização ainda no 1º ano escolar.

Através de uma parceria com o Governo do Estado e com a Associação São Jerônimo, a secretaria revitalizou o espaço Milton Santos, que oferta cursos e sedia o Centro da Juventude de Alvorada.

Outro espaço reativado foi o Centro Florestan Fernandes, que disponibiliza cursos profissionalizantes e também é polo dos cursos  de aperfeiçoamento “UNIAFRO” e “Educação, pobreza e desigualdade social”, em parceria com a UFRGS.

A Secretaria também promoveu e participou de eventos como o Desfile Municipal, Recrear-te, Acampamento Farroupilha, Consciência Negra e Jergs/ Parajergs.

Durante o ano de 2017, a SMED acompanhou, através da atuação efetiva da Assessoria Pedagógica, as 28 escolas municipais, além das creches conveniadas. Orientando o trabalho pedagógico e auxiliando na reestruturação dos Projetos Políticos Pedagógicos, firmando o seu compromisso com a educação de qualidade.

No final de 2017 foram entregues 6 chaves de acesso da Sala Aula – Sistema Construtivo Modular, para as diretoras das escolas Municipais de ensino fundamental Gentil Machado de Godoy, Duque de Caxias, Podalírio Inácio de Barcellos, Hilário Feijó, Cecília Meirelles e Frederico Dihl.

Para este ano a SMED tem a previsão de obter 97 turmas, sendo que dessas já havia 66, o que totaliza 1,320 vagas e para este ano de 2018, será disponibilizado 31 turmas o que totaliza 620 vagas a mais do que era ofertado até 2016. Está também no cronograma à inauguração das escolas E.M.E.F. Vaguenir Manoel de Fraga, E.M.E.I. Alícia Fernandes, E.M.E.I. Eva Furnari, com o objetivo de ampliar o atendimento.

A secretária Neuza, ainda agradeceu a todos os funcionários da secretaria municipal de educação, que ao longo do ano de 2017 não mediram esforços para melhorar e transformar a educação no município de Alvorada.

“Temos um grande desafio à frente da Rede Municipal de Ensino, por isso, contamos com o apoio fundamental dos professores para garantir um futuro de qualidade aos nossos alunos. Ressalto ainda que temos a responsabilidade da gestão do dinheiro público e estamos na contramão de algumas cidades vizinhas que em razão da crise financeira em que vive o país, algumas prefeituras estão parcelando o salário do funcionalismo, o que não ocorre em Alvorada, onde a prefeitura tem realizado o pagamento dos salários em dia. E como eu tenho falado, não sou secretária, estou secretária, eu sou professora e colega de vocês”, afirmou Neuza Machado Teixeira em seu pronunciamento.

Texto: Fábio Medeiros/Fotos: Fábio Medeiros e Ariene Kozeniewski

Ainda não existem comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados (*).