A Prefeitura de Alvorada, realizou na tarde deste sábado (28) no Salão Nobre, o 1º Encontro da Mulher Negra de Alvorada, com o tema: DISCUTINDO SAÚDE, VIOLÊNCIA E AFROEMPREENDEDORISMO.

Após a abertura oficial, todos puderam acompanhar uma belíssima apresentação do grupo Cultu-Arte, coordenado pela professora Jaqueline Navarro, em seguida, o público presente acompanhou o primeiro painel com o tema: Saúde da População Negra, apresentado pela Sra. Elaine Oliveira Soares. Logo, foi apresentado o painel, Saúde da Família, explanado pela enfermeira, Raquel Fernandes Leoti.

O segundo painel, abordou o tema: Violência Contra a Mulher (Lei Maria da Penha), apresentado pelo oficial da reserva da Brigada Militar, professor de direito penal e especialista em segurança pública, Martim Moraes JR. Em seguida aconteceu à palestra ministrada por Adriana Souza, Coordenadora Estadual da Diversidade Sexual da SJDH/RS.

O terceiro painel abordou o tema: Afroempreendedorismo, apresentado pela gerente administrativa da loja, Carmem Miranda Modas, Marcia Borba e Paulo Fernandes. Na sequência, Caroline Moreira, abordou o tema: (Quilombo e Abraço de Preta).

O evento contou ainda com a apresentação do Grupo Cultural e Dança Afro Axé de lê e do cantor Geraldo Show, além do lançamento da Revista “Pretas” de Thaís Silveira e Renata Lopes, que expôs seus livros no saguão da prefeitura.

Este evento marcou a luta e resistência da mulher negra em relação à opressão de gênero e etnia com objetivo principal em criar um movimento forte, ativo e permanente para resgatar a autoestima e o empoderamento da mulher.

De acordo com o Secretário Paulo Ramos, que neste ato representou o prefeito Appolo, “fica evidente para a sociedade alvoradense que qualquer forma de racismo, preconceito, intolerância ou discriminação a mulher negra é repudiada pelo atual governo e que, portanto, também a sociedade deve se mobilizar para combatê-la, precisamos dar as nossas irmãs de cor, uma contribuição mais efetiva, na construção e resgate da nossa autoestima, todos estão convidados a participarem dos próximos encontro a fim de conhecerem um pouco mais da cultura e da história dos principais Movimentos Negros do Brasil”, finalizou Paulo Ramos.

Participaram do 1º Encontro da Mulher Negra de Alvorada as seguintes autoridades: Paulo Ramos, Secretário de Governo e Gabinete; Alexandre Lobão, Secretário do Trabalho Assistência Social e Cidadania; Denise Almada, representando o Movimento Negro de Alvorada (MNA), vereador Jackson do Hospital e professora, Maria de Lourdes, Isabete Fagundes Almeida, além da comunidade que se fez presente neste encontro o evento contou com o apoio do Haja Luz, (Acervo Cultural Afrodescendente).

Texto: Fábio Medeiros/Fotos: Magno Derlon