Com objetivo de acolher, sensibilizar, e incluir os parceiros nos cuidados durante a gestação e na prevenção de doenças, a Secretaria Municipal da Saúde de Alvorada, apresentou na tarde da última sexta-feira (11) na câmara de vereadores, o projeto piloto que será implantado inicialmente na Unidade Básica de Saúde Umbu.

O Pré-Natal do Parceiro propõe-se a ser uma das principais portas de entrada aos serviços ofertados pela Atenção Básica em saúde no Município, ao enfatizar ações orientadas à prevenção, à promoção, ao autocuidado e à adoção de estilos de vida mais saudáveis aos casais.

A gestação é um momento especial repleto de significados e emoções para a família e um acontecimento que demanda uma série de ações pela área da saúde. Nos últimos anos, um tema tem emergido cada vez com mais força, exigindo um amplo debate, ações e principalmente, uma mudança de cultura.

Segundo a secretária da Saúde, Neusa Abruzzi, “ O programa tem a finalidade de incentivar os homens a passarem e participar mais assiduamente da gravidez, promovendo e aumentando o vínculo entre pai-mãe-filho e seu envolvimento afetivo e ampliando o cuidado na prevenção de doenças tanto para a mãe quanto para o bebe”.

Como funciona?

Uma vez confirmada à gravidez, a gestante é acolhida pelo serviço de saúde, simultaneamente, a unidade de saúde convida o parceiro da gestante para um atendimento individual e acompanhamento durante o período gestacional. Neste projeto piloto, o Casal Maria Cruz de Oliveira e Edison Severo, foi convidado a participarem desse programa no Município de Alvorada.

Participaram do lançamento do programa, o coordenador Estadual da Saúde do Homem, Carlos Antônio da Silva; Diretor do Hospital de Alvorada, Carlos Grossini e Greice Laitano, Psicóloga do Hospital de Alvorada; Coordenadora do programa Saúde da Mulher na cidade, Clarissa Troyano; Enfermeira da UBS, Umbu, Rosangela Cardoso.

Texto: Fábio Medeiros/ Foto: Magno Derlon