A Prefeitura Municipal de Alvorada obteve concedido, na última sexta-feira (24), o pedido de liminar que encaminhou para que o Governo do Estado pagasse os valores respectivos a saúde que estavam em atraso por 120 dias. Os valores giram em torno de R$ 1,2 milhão. Além dos atrasos, a liminar determinou que o Governo do Estado mantenha em dia os próximos repasses regulares, que giram em torno de R$ 570 mil. A interrupção dos repasses já estava afetando os serviços básicos de saúde em Alvorada, entre eles o fornecimento de medicamentos na Farmácia Municipal. Os valores começarão a ser pagos a partir do próximo mês.