Em busca da simplificação e desburocratização do registro e legalização de empresas do Município, a Prefeitura de Alvorada, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE), está buscando implementar a Redesimples, através do Sebrae/RS.
Criada por Lei Federal em dezembro de 2007, a RedeSimples  estabelece diretrizes e procedimentos para a simplificação e integração do processo de registro e legalização de empresários e de pessoas jurídicas através de um sistema integrado que permite a abertura, alteração, baixa e legalização de empresas.

Todo processo será analisado pela Prefeitura através da Sala do Empreendedor, que avaliará a documentação da empresa que pretende se instalar na cidade, classificando o seu grau de risco.
As empresas classificadas como sendo de BAIXO RISCO em suas atividades, receberão alvará provisório, podendo exercer suas atividades imediatamente. Já as atividades que forem consideradas de ALTO RISCO terão que apresentar as licenças previamente para poder receber o alvará de funcionamento e só depois começar a exercer suas atividades.
De acordo com o prefeito José Arno Appolo do Amaral, a implantação da RedeSim é algo que vai oportunizar aos alvoradenses realizarem o sonho de ter seu próprio negócio legalizado, saindo da informalidade.

Participaram da reunião os Secretários de Desenvolvimento Econômico, Taison Neves; Governo e Gabinete, Paulo Ramos; Meio Ambiente, Ângela Amaral, os representantes das Secretarias Municipais de Saúde, Claudete Rodrigues, Fazenda, Daniel Martins, Planejamento e Habitação, e Zanir Santos. Além da responsável técnica da Gerência Regional Metropolitana do SEBRAE, Tangriane Forest e Márcio Bendusi, Gestor de Políticas Públicas do Sebrae/RS.

Texto: Fábio Medeiros / Fotos: Eduardo Porto

Texto: Fábio Medeiros / Fotos: Eduardo Porto