Na tarde desta segunda-feira (20) o Ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, foi recebido pelo Prefeito Municipal de Alvorada, Appolo em seu gabinete. Na oportunidade o Ministro veio anunciar a liberação de recursos para a construção do Centro Social Alvorada Viva.

O local escolhido pela administração municipal foi às proximidades do Ginásio Municipal Tancredo Neves. O projeto inicial prevê a construção de um prédio de seis andares além da cobertura de parte da Rua Wenceslau Fontoura.

O prefeito Appolo, agradeceu ao Ministro Osmar Terra, por ter escolhido o Município de Alvorada para a construção deste centro que será referência nacional na qualificação profissional, pratica esportiva e inclusão social.

Confira alguns espaços já confirmados do Centro Social Alvorada Viva:

6º – Andar está previsto um terraço que será aproveitado para pratica esportiva, cultural e de lazer com aproximadamente 812 (m²).

5º andar – Um salão multiuso de 500 (m²) mais uma escola de culinária com aproximadamente seis salas  de aula,  além de um salão para eventos.

4º andar – Espaços para a capacitação profissional, através de cursos profissionalizantes além de contar com uma câmara de conciliação e arbitragem (Pequenas Causas), áreas administrativas, câmeras de vídeo-monitoramento e mais salas para a realização de atividades físicas.

3º andar – Escola de musica, telecentro, salas de oficinas, cursos e eventos.

2º andar – Teatro com a capacidade de 160 lugares, além de uma escola de teatro e uma biblioteca com mais de 400 (m²).

No térreo está previsto um espaço de convivência com escola de artesanato e construção civil em mais de 750 (m²), combinado com a estrutura do Ginásio Municipal. Além da construção de uma cancha de futebol sete, pista de caminhada e atletismo, cobertura da rua até a Rua dos Umbandistas (ao lado da SMED), estacionamento para 330 carros e muito mais!

O centro receberá total acessibilidade e contará com elevadores adaptados para atender apessoa com deficiência.

No melhor aproveitamento do projeto, na rua coberta, as calhas irão coletar as águas da chuva as quais alimentarão o chafariz e duas cisternas com capacidade de 20.000 litros cada, assim totalizando 40.000 litros, com uma filtragem especial oportunizando o emprego de abastecer o reservatório dos bombeiros, e o chafariz terá importância precípua de efetuar a retenção das águas para que não ocorra alagamento e assim não cheguem de bruto ao esgoto pluvial, em analogia ao que temos hoje no Mercado Público de Porto Alegre.

Participaram do anuncio as seguintes autoridades: O prefeito Appolo, Vice-prefeito Valter Slayfer, Deputado Estadual, Gabriel Souza, Luiz Carlos Telles, Secretário de Administração; Alexandre lobão, Secretário do Trabalho Assistência Social e Cidadania; Sergio Coutinho, Secretário de Segurança e Mobilidade Urbana; Neuza Machado Teixeira, Secretária de Educação; Paulo Ramos, Secretário de Governo e Gabinete; Neusa Abruzzi, Secretária da Saúde; Marcelo Machado, Secretário da Fazenda; Vladimir Massa,  Secretário de Planejamento e Habitação; Valdemir Martins, Secretário de Obras e Viação; Alcides Bolico, Secretário de Cultura e Esporte, João Alberto, Ex-prefeito de Torres; Delegado de Policia Luiz Carlos, além dos vereadores: Jackson do Hospital, Arlindo Slayfer, Preto e Airton Pacheco.

Texto: Fábio Medeiros/Foto: Magno Derlon