Qualificar e pavimentar as vias de Alvorada é uma preocupação para a gestão. A Prefeitura criou o eixo Melhores Caminhos – Pavimentando Nosso Futuro para organizar todas as ações que visam melhorar e ampliar a mobilidade urbana, que possui um histórico déficit de pavimentação que ultrapassa 300 quilômetros de vias. Uma das boas práticas resgatadas pela atual gestão é a Pavimentação Comunitária, projeto retomado em 2014, como nova regulamentação que resgata a credibilidade no setor público ao sanar o déficit de 15 ruas em que os moradores haviam contribuído sem retorno da Prefeitura.  Além da infraestrutura nas vias, o eixo reúne ações de educação no trânsito, melhorias na sinalização, construção de novos abrigos e blitz educativas.

Pavimentação Comunitária transforma Alvorada para o futuro

O Programa de Pavimentação Comunitária ganha nova formatação em Alvorada. Após saldar um déficit gerado em administrações anteriores abrangendo 15 ruas, a Prefeitura de Alvorada regulamenta novo procedimento que tem por objetivo fazer frente à necessidade de pavimentar vias e resgatar a confiança da população no programa.
As novas regras estão expostas no texto da Lei Municipal Nº 2.868, que vigora desde fevereiro de 2015. Agora a rua ou via pública para ser beneficiada deve ter adesão de, pelo menos, 70% dos moradores (proprietários dos imóveis), que deverão custear 50% do valor da obra, restando a outra metade do investimento para a Prefeitura. O morador poderá financiarem até 24 meses sua dívida, sendo o valor mínimo de R$ 30,00para cada prestação.
Será concedido desconto de 10% para quem efetuar pagamento à vista ou no cartão de crédito parcelado em até 12 vezes. Além disso, no ano em que o morador quitar seu investimento na Pavimentação Comunitária, receberádesconto de 60% no IPTU.
A grande diferença, que supera o modelo anterior, está na execução da obra. Pelo novo modelo, ao cumprir os quesitos postos na Lei e a análise técnica da Secretaria de Obras e Viação, a Prefeitura executa a obra e os valores são cobrados posteriormente. O novo modelo foi amplamente debatido no Poder Legislativo e em diversas reuniões com a comunidade.
Além de evitar as situações desagradáveis em que os moradores pagaram sua parte e a Prefeitura não executou as obras, como ocorreu em Alvorada, a pavimentação comunitária trabalha com um novo conceito de urbanização. É comum presenciar nos noticiários problemas em decorrência do asfalto, nas cidades. O pavimento a base de petróleo possui alto valor comercial, polui e causa danos ao meio ambiente. O asfalto aumenta os alagamentos por ser impermeável, e os buracos nas vias requerem manutençõesconstantes.
A Pavimentação Comunitária utiliza blocos de concreto intertravado, último conceito na construção de ruas e avenidas. É pratico, quatro vezes mais barato que o asfalto, permite que o solo absorva a água. Quando necessário, obras de drenagem são realizadas, ampliando a qualidade da obra. Dessa forma, Alvorada destaca e se valoriza na região, bem como cada imóvel da cidade.

Veja abaixo a lista das 15 ruas

RuaBairro
1Alfredo da RochaBela Vista
2Catulo da PaixãoMaringá
3Tancredo NevesIntersul
4Gomes FreireVila Maria
5Plauto AzambujaMaringá
6Bento FigueiredoMaringá
7Padre AnchietaMaringá
8Noel RosaMaringá
9GuarujáJ POA
10Padre CaciqueAmericana
11Julio Cesar RibeiroMaringá
12Vitor MeirellesFormosa
13Pedro LessaIntersul
14Buenos AiresIntersul
15PP 13N. Americana

 

Testemunho

IMG_3663 EDITADA-webO pastor Paulo Brasil foi o representante da rua Alfredo da Rocha e acompanhou de perto todo processo da pavimentação e drenagem junto com a Secretaria Municipal de Obras. “Recomendo aos moradores da Alvorada que procurem o programa de Pavimentação Comunitária, e quem tiver dúvida da qualidade do serviço, que venha ver a Alfredo da Rocha. Agora, depois de 40 anos vivendo aqui, eu tenho orgulho daqui, está muito bonito!”, revelou Paulo, que aguardou mais de cinco anos a execução da obra.

 

 

Pacto da Mobilidade pauta reunião entre Executivo, Metroplan e Empresários de Alvorada

A Prefeitura de Alvorada e a Metroplan realizaram reuniões em dezembro com a diretoria da Associação Comercial e Industrial de Alvorada (Acial) para debater o andamento dos projetos do Programa Pacto da Mobilidade Urbana. O objetivo do encontro é desenvolver uma proposta que permita a execução do anteprojeto, e por consequência a garantia das obras. O investimento é de R$ 35 milhões para as intervenções de qualificação na infraestrutura, advindos do Governo Federal. As obras que envolvem a duplicação de avenidas, devem contemplar a Frederico Dihl, Caminho do Meio, Beco do Bibi e Protásio Alves.
Entre os temas debatidos no encontro está a possibilidade da participação da sociedade civil organizada em torno das necessidades de complementação do projeto. As obras do PAC Mobilidade Urbana são estratégicas para o desenvolvimento social, político e econômico de Alvorada e de toda a região. As intervenções presentes na proposta priorizam espaços qualificados focados no transporte coletivo, que atende milhares de trabalhadores diariamente.

 

Prefeitura Municipal de Alvorada soluciona problema em ponte no Bairro Santa Helena
A ponte localizada na Rua Carlos Barbosa, que antes sofria por problemas estruturais, recebeu uma galeria de concreto armado, o que proporciona o melhor escoamento de água das chuvas. A nova galeria, que tem 3m x 2m e seis toneladas, vai ajudar a minimizar os recorrentes problemas de alagamento na localidade. A ponte, também recebeu nova pavimentação de de blocos intertravados (PAVS), que foi concluída até o final de janeiro de 2016.

IMG_0123

 

Prefeitura instala galerias no bairro Intersul para evitar alagamentos

A Prefeitura de Alvorada concluiu a obra das galerias na rua Otavio Rocha, no bairro Intersul. As galerias são compostas por peças de concreto armado, de 2m x 3m, que permitem melhor escoamento de água das chuvas, minimizando os recorrentes problemas de alagamento nas localidades. Além disso, foi feita a recomposição de pavimentação com concreto betuminoso usinado a quente e instalação de guarda-corpo (parapeito).
Segundo a dona de casa Ligia Maria de Almeida, 69 anos, que reside ao lado da obra, os resultados foram ótimos. “Depois da instalações das galerias a chuva nunca mais causou problemas, agora temos que ter a cooperação dos vizinhos para manter o arroio limpo”. Jorge Padilla Paes, pedreiro, 43 anos, aprovou as melhorias que a prefeitura fez com as instalações do guarda-corpo. “Agora ficou bom, fizeram um ótimo serviço. E o guarda-corpo traz muita segurança para as crianças”.

 

Vias do bairro Jardim Algarve são recuperadas
A Prefeitura de Alvorada realizou melhorias nas ruas 33, 38 e 53, no bairro Jardim Algarve, com trabalhos de recapeamento asfáltico. As equipes da Secretaria Municipal de Obras e Viação utilizaram asfalto quente nos serviços de recuperação das vias, melhorando a mobilidade da região e beneficiando centenas de pessoas. Os trabalhos foram finalizados no mês de março.

MELHORES-CAMINHOS