Em solenidade realizada nesta terça-feira (30) o Prefeito de Alvorada, José Arno Appolo do Amaral, participou da primeira sessão legislativa nas novas dependências da Câmara de Vereadores.
No plenário que leva o nome do vereador Mario Cardoso Ferreira, prefeito, vice-prefeito, vereadores, ex-vereadores, secretários municipais, autoridades civis, militares e comunidade prestigiaram a cerimônia conduzida pelo atual presidente da casa, vereador Juliano Marinho que na oportunidade destacou o trabalho dos ex-presidentes e vereadores pelo comprometimento para conclusão desta obra tão importante para a cidade.
Em sua saudação, Appolo falou do importante momento para cidade. “É com muita alegria que nos reunimos para inauguração da nova sede da Câmara Municipal de Vereadores de Alvorada. Feito tão aguardado, que nasceu do desejo da comunidade de ser ouvida, ter voz e vez na participação nos debates que decidem o futuro da cidade”.
A nova Casa do Povo se ergue em meio a necessidade de um espaço democrático ampliado, por onde passam as discussões que fazem parte da vida de todos os cidadãos alvoradenses.
Segundo o prefeito, “este sonho, acalentado por muitas gestões que se antecederam, coube pela graça de Deus à atual Diretoria da Casa, a honra da inauguração deste magnífico instrumento republicano. Sinto-me honrado, enquanto prefeito, de ver concretizado o empenho e dedicação aplicados por tantas ilustres pessoas, homens e mulheres, que dedicaram parte de suas vidas para a construção desta nova sede. Tenho a convicção que juntos, Legislativo e Executivo, devem caminhar lado a lado para pavimentarem o caminho do progresso e do desenvolvimento de nossa cidade de Alvorada. O diálogo democrático deve nortear todas as ações dos poderes constituídos na cidade para alcançarmos o tão almejado reconhecimento de sermos uma cidade formada por trabalhadores e trabalhadoras que querem viver, amar, constituir suas famílias e viver plenamente nesse torrão de terra que tanto amamos: nossa querida Alvorada”, finalizou.

Texto: CCS / Foto: Eduardo Porto