Após algumas publicações nas redes sociais por algumas pessoas sem o devido conhecimento de causa, e por outras pessoas mal intencionadas, vinculadas a partidos políticos com um único objetivo de confundir e prestar um desserviço à sociedade, falando da não necessidade de novos semáforos na cidade, esclarecemos que:

No ano de 2012, atendendo a uma medida judicial a Prefeitura Municipal de Alvorada rompeu o contrato com a empresa proprietária dos conjuntos semafóricos dos 9 principais cruzamentos do município, sendo um contrato por comodato (tipo aluguel), ficando a partir de então por decisão judicial o município como fiel depositário dos equipamentos, porém com o rompimento contratual a empresa deixou de prestar o serviço de manutenção e reposição de peças dos semáforos.

Conforme o Secretário de Segurança e Mobilidade Urbana Sergio Coutinho, sete anos se passaram e o sistema continua o mesmo e entrando em colapso constantemente, pondo os usuários (motoristas e pedestres) em constante risco de acidentes, prejudicando consideravelmente a organização e a trafegabilidade no sistema de trânsito e a mobilidade urbana em geral, pondo em risco a vida dos usuários, tanto de motoristas como de pedestres, sujeito a qualquer momento comprometer todo o sistema semafórico da cidade, causando o caos no trânsito.

“Em vez de se preocuparem se o semáforo multa ou não, vamos obedecer as leis de trânsito que ninguém será penalizado, vamos preservar vidas através da conscientização e mudança de comportamento” enfatiza o Secretário.