A Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) fez um levantamento onde mostra que Alvorada registrou perda de arrecadação do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Segundo o estudo, divulgado nessa quinta-feira, 21 de julho, Alvorada sofreu uma queda de R$ 2.167.660 nos cofres da Prefeitura no primeiro semestre de 2016. A redução do FPM é uma realidade presente em todos os municípios do Rio Grande do Sul.

De acordo com a FAMURS, as prefeituras gaúchas deixaram de receber R$ 209,6 milhões no primeiro semestre deste ano. A diferença nas receitas é provocada pela queda na arrecadação do Governo Federal, que afetou os repasses do FPM. O Fundo é composto por 24,5% de toda a arrecadação do Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) e do Imposto de Renda (IR), recolhido pelo Governo Federal e distribuído aos municípios de acordo com o número de habitantes.