Alvorada acima de tudo Respeito acima de todos”. Esse foi o tema do Fórum da Diversidade, realizado em Alvorada nesta quinta-feira (20). O evento foi promovido pelo Grupo da Diversidade, Povo do Axé e Movimento Negro de Alvorada (MNA) com apoio da Prefeitura Municipal de Alvorada, através das Secretarias de Saúde, de Educação e de Trabalho e Assistência Social e Cidadania.

O encontro teve como objetivo promover a diversidade através de politicas públicas, palestras, troca de experiências e atividades, por meio de diálogos com a sociedade para inclusão de todos os gêneros. Além disso o evento buscou identificar lideranças engajadas com o tema proposto.

O Fórum contou com as palestras ministradas por Adriana Souza, Junyara Brandão, Mariazinha do Povo de Terreiro e Marco Aurélio Bica, Representante do Fórum de Entidades Negras de São Leopoldo. Houve ainda a apresentações artísticas do Grupo Família Diamante, e Escola de Samba Bem-Vinda.

Junyara destacou que, “fica evidente para a sociedade alvoradense que qualquer forma de discriminação, preconceito ou intolerância é repudiada pelo atual governo e portanto, também a sociedade deve se mobilizar para combatê-la de forma efetiva na construção e resgate da autoestima”.

Para, Adriana Souza, a sociedade não pode mais conviver com atos de discriminação sejam quais forem. “Não podemos tolerar ações de racismo, homofobia, discriminação religiosa. Ações como esta que ocorre hoje levam informações de extrema importância para combater o preconceito”, disse.

Participaram do Fórum da Diversidade, a diretora do Centro Municipal de Atendimento Educacional Especializado (CEMAEE), Neuza Neto, Simone Falcão, diretora do CREAS; Luís Ildomar, assessor jurídico do Centro da Juventude; Júlio Cesar do CAPS-AD (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas), de Alvorada , Mariazinha representando o Povo de Terreiro.

Texto: Fábio Medeiros / Fotos: Carina Soares