Alvorada vai realizar, no dia 18 de maio, diversas atividades em alusão ao Dia Nacional de Luta Antimanicomial na Praça Leonel de Moura Brizola, em frente à Prefeitura. As atividades são organizadas pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em parceria com o Conselho Municipal de Saúde. Usuários, funcionários dos CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) e dos serviços de saúde da cidade, e sociedade civil podem participar do evento.

O Dia Nacional de Luta Antimanicomial tem por objetivo o fortalecimento das famílias e dos serviços públicos, promovendo o cuidado em saúde mental em liberdade, evitando assim, a internação psiquiátrica.

Veja abaixo o significado de cuidado em saúde mental em liberdade:
Cuidar em liberdade é garantir direitos e dar as pessoas uma vida cheia de sentido, que pode ser criado e recriado através das artes, da escola, do convívio familiar comunitário, do trabalho entre outras possibilidades que não se condicionam aos limites dos transtornos mentais.

Serviços nas Unidades Básicas de Saúde:
Cais Mental – Ambulatório de Saúde Mental, conta com atendimento de três psiquiatras e uma psicóloga, dentro do PAM-8.
Rua: Roberto de Souza Feijó, 147, 2º andar – centro
Telefone: 3442-1520
CAPS 2 (Centro de Atenção Psicossocial Adulto) – Com equipe interdisciplinar que conta com atendimento em psicologia, enfermagem, psiquiatria e terapia ocupacional. Atende grupo prioritário de pessoas com transtornos mais graves e persistentes.
Rua: Maria do Carmo Garcia, 197 – Maringá
Telefone: 3411-8015
CAPS AD (Centro de Atenção Psicossocial: Álcool e outras drogas) – Com equipe interdisciplinar que conta com atendimento em psicologia, enfermagem, psiquiatria, terapia ocupacional e serviço social. Atende grupo prioritário de adultos e adolescentes em situação de risco pela dependência de álcool e outras drogas.
Rua: Alberto Pasqualine, 220 – Sumaré
Telefone: 3411-8055
CAPSI (Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil) – Conta com atendimento em psicologia, enfermagem, psiquiatria, terapia ocupacional, fonoaudiologia e nutrição. Atende prioritariamente crianças e adolescentes de 0 a 24 anos com transtornos.
Rua: Alberto Pasqualine, 220 – Sumaré
Telefone: 3411-8055
NASF (Núcleo de Apoio à Saúde da Família) – Com equipe interdisciplinar, que presta apoio matricial especializado em saúde mental para toda rede básica de saúde do município. Conta com psicologia, nutrição, fonoaudiologia e psiquiatria.