Prefeito Professor Serginho anunciou em entrevista coletiva

O Prefeito Professor Serginho deu uma entrevista coletiva agora a noite (22/07) para falar sobre a situação de Alvorada. O prefeito, que esteve reunido hoje a tarde com o Presidente da Corsan, Flávio Ferreira Presser, falou sobre as poucas atitudes que a estatal tem tomado em relação ao desabastecimento de água no município. A cidade está sem água potável nos 75 mil pontos de abastecimento desde segunda-feira (20/07), envolvendo uma população de mais de 200 mil pessoas.

Ainda pela tarde, o Prefeito vistoriou junto com vereadores e secretários, a situação da casa de bombas de Alvorada, encontrando a situação crítica. Segundo o Prefeito, há apenas uma embarcação cedida pela Prefeitura para a colocação de sacas de areia para barrar a água das cheias. Após este procedimento o local em que estão acondicionados os motores de capitação de água, deve ser seco por bombas de sucção, dados as condições para religar os equipamentos e reestabelecer o reabastecimento de água da cidade. Até que seja reestabelecido o abastecimento de água em Alvorada, a cidade permanece em situação de calamidade pública, decretada pelo Prefeito.
Com a Declaração de Calamidade Pública, o recebimento de recursos para a solução de problemas é agilizado. A verba, que vai ser recebida, será utilizada para reestabelecer os prejuízos na cidade.

Amanhã (23/07), às 11h30min, o Prefeito Professor Serginho, em conjunto com outros prefeitos das cidades da Região Metropolitana atingidas pelas chuvas, se reunirão com o Governo do Estado para tratar dos prejuízos ocasionas pelas cheias na região.

O Prefeito Professor Serginho quer mais empenho da Corsan para que trate Alvorada com atenção correspondente a emergência que a cidade vive.