O Município, antes 3° Distrito de Viamão, chamava-se até então de Passo do Feijó, emancipou-se no dia 17 de setembro de 1965, conforme a lei estadual nº 5026.

Com 71 km de extensão territorial, faz divisa com Cachoeirinha, Porto Alegre, Viamão e Gravataí, a escolha do seu nome se inspirou em dois fatores: A alvorada do povo, que acorda às primeiras horas da manhã e parte para o trabalho, e o Palácio da Alvorada, o grande destaque na então nova capital do País, Brasília, inaugurada em 1960.

Alvorada vive um momento de prosperidade econômica e social, Vislumbrando um futuro melhor para os seus habitantes. Com a ampliação de investimentos em educação, saúde, segurança, meio ambiente e infraestrutura.

Mais de 200 mil pessoas tornam Alvorada uma das cidades mais populosas da região, com um grande potencial para o desenvolvimento econômico, pela sua localização que favorece a logística para empreendimentos industriais.

Com uma série de investimentos em cursos gratuito oferecidos aos alvoradenses, e com o objetivo de qualificá-los para o mercado de trabalho a administração atual afirma ter como foco as pessoas. ¨Estamos trabalhando para tornar a cidade um lugar melhor de se viver”, afirma em seus discurso o atual prefeito José Arno Appolo do Amaral.

Texto: Gabriela Turella/ Revisão e Edição:Celso Dornelles